Terapia Cognitivo Comportamental Funciona?



A Terapia Cognitivo Comportamental, ou também chamada de TCC, é uma forma de psicoterapia desenvolvida nos anos 1950 pelo Dr. Aaron Beck, psiquiatra norte-americano, e que vem sendo utilizada no mundo todo desde então. A TCC é uma forma de terapia amplamente pesquisada e seus resultados são comprovados cientificamente. A TCC inclusive é a forma de psicoterapia mais indicada pelos planos de saúde dos Estados Unidos, simplesmente porque ela funciona muito bem para determinados problemas emocionais e também o tempo de tratamento costuma ser mais breve do que outras psicoterapias.



Uma das ideias principais da TCC é que a nossa parte cognitiva (nossos pensamentos, lembranças, interpretações, atenção, imaginação, etc.) tem uma grande influência nas nossas emoções e, consequentemente, nos nossos comportamentos. A TCC acredita que a forma como nós interpretamos e lidamos com aquilo que nos acontece é mais importante do que as próprias situações que nos acontecem.


A TCC ajuda as pessoas no seu autoconhecimento, ajudando a identificar aquilo que está incomodando em suas vidas e ensina maneiras melhores de lidar com as situações. Uma dessas maneiras é ajudando as pessoas a perceberem que muitas vezes elas interpretam situações de forma exagerada ou distorcida da realidade, sem ter evidências para essas interpretações. E essas pessoas sofrem muito, acreditando em pensamentos preocupantes e catastróficos que surgem em suas mentes (mesmo não sendo verdadeiros).


Com a ajuda da TCC, as pessoas podem se libertar desses pensamentos distorcidos que geram sofrimento, depressão, ansiedade, etc, e podem viver uma vida mais tranquila, lidando com os problemas da vida de forma mais adequada, efetiva e útil. Elas aprendem a superar seus medos, a parar de remoer situações do passado e a evitar pensamentos catastróficos sobre o futuro.


A TCC também é uma terapia muito prática, focada na resolução dos problemas atuais da pessoa. Muitos pacientes preferem essa terapia, pois a psicóloga é bastante participativa, trabalhando junto com o paciente para identificar os problemas e como resolver as dificuldades, oferecendo psicoeducação para que o paciente entenda seus sintomas e também dando treinamento em habilidades que o paciente possa estar precisando (como treinamentos de motivação, de comunicação assertiva, de resolução de problemas, entre outros). Psicóloga e paciente criam laços de cooperação; não existe a possibilidade do paciente ficar falando sozinho a sessão toda e a psicóloga ficar muda sem dizer nada!


A TCC é efetiva para a maioria dos problemas psicológicos, como depressão, ansiedade, TOC, medos e fobias, assim como para dificuldades de relacionamento, dificuldades de comunicação, problemas de atenção e falta de foco, terapia de casal, orientação de pais, motivação, comportamentos compulsivos, baixa auto-estima e falta de confiança, dificuldades de adaptação, etc. Então eu diria que sim, a terapia cognitivo comportamental funciona muito bem. Os benefícios são cientificamente comprovados, os pacientes relatam mudanças em pouco tempo de tratamento, e ela costuma ser uma forma de terapia muito motivadora, onde o paciente se sente motivado a fazer mudanças e se sente recompensado com os efeitos positivos que observa na sua vida.


Espero que essa pequena explicação tenha esclarecido alguma dúvida e gerado curiosidade para você testar essa forma de psicoterapia, se você ainda não a conhece.


Ainda ficou com alguma dúvida? Deixe aqui abaixo nos comentários e eu responderei nas próximas postagens. Compartilhe esse artigo com alguém que precise.


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo